Obina, o… bólido?

Por Gustavo BarretoEste é o último jogo da final do Estadual 2008 no Rio de Janeiro. Um jogão. Depois de baixar a poeira, perceba que, aos 42 segundos do quinto minuto do vídeo abaixo, o narrador da Globo vem com essa: “Tadelli viu mas tentou o drible em cima do Alessandro. E já levou Diego Tardelli. Obino arranca como um bólido. Tardelli cruza. Obina fechou. Gooooool.”

Pera aí… bólido???

Sensacional, né! Quanta cultura. Num momento como esse, de pura emoção… bólido???

Eu fui procurar no dicionário. Para a palavra bólido, aparece substantivo masculino, do grego bolídos e pede para ver outra palavra, bólide. E está lá. Substantivo feminino: “Espécie de meteoro ígneo que atravessa o espaço; aerólito”.

É… não é que faz sentido?


@consciencia_net facebook.com/LosPequenosDetalhes