[ outubro, 2006 ]



Eleições em Realengo

Comenta! »

Por Gustavo BarretoNei, o prestativo professor e supervisor. Priscila, a belíssima guarda municipal. Wallace, o dedicado policial militar. Sonia, a sempre atenta inspetora da escola. Vitória e Fátima, as supervisoras.

Foram uma boa companhia durante o segundo turno das eleições presidenciais de 2006, em Realengo, que passei a convite do Eduardo, “o juiz”. Que mania de fixar “o juiz”. Faz parte, diz ele. Dona Adeli, operada há 4 dias no Pedro Ernesto, foi votar. Haja cidadania!

Ah, o 383 passa lá e passa na UERJ também. Sonia comemora a união: “Você vai ter que voltar aqui!” Nei completa: “Olha que eu te chamo, heim?!”


Arquivo

Comenta! »

  • Textos de 2000 a 2006
  • Rio, cidade partida
  • Visite também:

  • Agência Consciência.Net
  • Cadastro
  • Café Consciência
  • Ética na Mídia