Pequenos.Detalhes...Setembro de 2005
.
É nóis no INTERCOM!
A Revista Consciência.Net apresentará nesta sexta (9/9), no Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (INTERCOM), na sessão de Eventos Especiais, o trabalho "A Importância da Imprensa Alternativa na Construção da Contra-hegemonia" (leia o resumo). O texto é resultado de cinco anos de reflexão de diversos editores sobre o tema e será apresentado por um dos criadores da revista.

"A despeito das dificuldades, a imprensa alternativa surge como importante instrumento de representação simbólica do grande público, em boa parte insatisfeito com os grandes meios, configurando assim elemento estratégico na construção de forças contra-hegemônicas que busquem garantir os direitos fundamentais de todos os cidadãos, incluindo aqui o direito à comunicação", diz um trecho do resumo. Outros sete trabalhos serão apresentados na mesma mesa durante a manhã. Um deles discutirá o "Papel da Imprensa e da Sociedade no Cumprimento dos Direitos Humanos, das Crianças e Adolescentes".

O encontro será coordenado pelo Prof. Dr. Robson Bastos da Silva, da Universidade de Taubaté (UNITAU), e começará às 9h00, na mesa 1. O INTERCOM está sendo realizado na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e termina na própria sexta. Para ler o resumo de todos os trabalhos da mesa, clique aqui. Outras informações no www.intercom.org.br::::8/9

Nova Orleans
(...) o local é pior do que uma prisão, já que eles não contaram com segurança, comida, água ou energia elétrica durante três dias. Durante esse período, meninas e meninos foram estuprados e tiveram suas gargantas cortadas. Corpos foram empilhados nas cozinhas, enquanto saqueadores e loucos trocavam tiros com as armas que saquearam de lojas

(...) Phyllis Riley, 51, procurando manter a dignidade, mesmo vestindo roupas sujas de vômito, (...) disse que sofre de asma, e que mal pode respirar, e que não viu um único profissional de saúde durante os cinco dias que se seguiram à chegada do Katrina

(...) Nesta semana, quase nada foi dito na mídia ou pelas autoridades sobre o bairro pobre de Chalmette, no leste da cidade. Várias das casas, cujo número total, segundo as autoridades, é de 27 mil, estão totalmente submersas. Acredita-se que lá a quantidade de mortos seja a maior, possivelmente chegando a milhares, de acordo com a polícia. Várias centenas de corpos teriam sido recolhidas por moradores em apenas uma escola.

(...) "Apenas nascemos com a cor errada", gritava Larry Martin, um dos últimos a deixar o Centro de Convenções. "Se essas pessoas fossem um grupo de norte-americanos caucasianos, isto nunca teria acontecido. Eles teriam retirado todo mundo. Tudo o que vocês ouviram é verdade. Só obtivemos comida e água na sexta-feira (o quarto dia no interior do complexo). Os saqueadores e atiradores atiravam contra os ônibus. E havia estupradores, assassinos e os que submetiam as pessoas à sodomia".

Reportagem do Financial Times de hoje, sobre a situação em Nova Orleans, em decorrência do furacão Katrina e, principalmente, do descaso das autoridades com a população negra.::::5/9


 
Consciência.Net
Pequenos detalhes
Opinião
Primeira Página