“Qual é a nova realidade? O Brasil é destino de imigrantes. Não era.”

A frase acima é de uma autoridade acriana ao deparar com a questão da imigração em massa, mas poderia ser de qualquer outra pessoa.

A ficha vai caindo, pouco a pouco, para uma realidade já conhecida de muitos: o Brasil não sabe receber imigrantes, tampouco tem política pública para tal.

Em depoimento a um jornal, o haitiano Demet Debuier, fotógrafo de 28 anos, disse estar passando por uma “humilhação muito grande”, acrescentando: “Viemos para o Brasil em busca de uma vida melhor, mas isso não me parece ser muito melhor do que eu tinha no Haiti. Na última noite, dormi na chuva. Estou sem tomar banho e sem comer desde que cheguei, há três dias. E não sei quando vou conseguir arrumar emprego”.

“Ao contrário do que a gente imagina no Haiti, o Brasil não está pronto para receber os haitianos”, diz um outro conterrâneo.

Relatos e matérias: http://bit.ly/1knjwl2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *