Prefeitura não entrega casas e Justiça garante ocupação por sem-tetos (MT)

“Centenas de sem-teto ocuparam casas de um conjunto habitacional no município de Itanhangá, localizado a 543 quilômetros ao Norte de Cuiabá. Detalhe: agora a medida conta com o aval da Justiça, que negou a reintegração de posse à Prefeitura, gerenciadora do programa. “Não é razoável deixar ao relento essas famílias, compostas, inclusive, por gestantes e crianças, com a possibilidade, em tese, das casas ficarem desabitadas” – apelou o defensor Diogo Madrid Horita, ao conseguir a reconsideração da liminar de reintegração.”

Do 24HorasNews: http://bit.ly/xJA88g

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *