Guardem a sacanagem para os filmes pornôs

Para não ficarmos malucos em meio a tanta coisa, vamos revisar a seguinte informação.

O Brasil gastará cerca de R$ 30 bilhões na Copa do Mundo — sim, é quase tudo dinheiro público — e a Presidência da República afirma que esse dinheiro está “voltando”, porque haverá tantos outros bilhões investidos no país.

Haverá investimentos no Brasil devido à Copa — em hotéis, cerveja, aluguéis por temporada (para quem é proprietário) e para muitos outros empresários.

Ah, claro, os camelôs venderão mais mate e biscoito — só durante os meses próximos ao evento, e isso se a guarda municipal em cada cidade deixar. Ou seja: ganham os empresários, com dinheiro público.

Desculpem, mas é uma admissão de incompetência administrativa.

O que daria para fazer com 30 bilhões de dólares? Eu digo: resolveríamos o problema da primeira infância. É um dinheiro que ampliaria, por exemplo, o número de creches e hospitais especializados nesta faixa etária EM TODO O BRASIL — ou poderia, ainda aumentar o salário dos professores. É muito dinheiro, mesmo para um país com dimensões continentais.

Por isso, estou com Ney Matogrosso e seu desabafo na TV portuguesa:

Sim, ele errou quando diz que o Bolsa Família não vincula a ajuda financeira à educação. Vincula sim — não só à educação, mas também à saúde.

Mas em todo o restante, acerta, e acerta bastante. As pessoas estão cansadas de tamanha má-fé por parte de quem só pensa no lucro. Guardem a sacanagem para os filmes pornôs, governo não pode ficar brincando com nosso dinheiro!

* * *

Enquanto alguns países pelo mundo lutam para ter uma Constituição e três poderes funcionando, políticos no Brasil trabalham para rasgar a Carta Magna e minar a independência dos poderes.

O STF deveria invalidar imediatamente essa lei absurda da Copa, que não vai fazer falta para ninguém, a não ser para um punhado de empresas e para a FIFA. Mas, infelizmente, há muitos interesses para além do único que deveria interessar — o PÚBLICO! Leia mais sobre o tema aqui.

* * *
Vale lembrar: “XV – é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens;” (CF88)

Quero ver quem vai me impedir de usar o bairro vizinho onde eu moro, o Maracanã, em qualquer dia que seja. Vou levar um livrinho bem bacana comigo agora, chama-se “Constituição da República Federativa do Brasil de 1988”.

* * *
Recordar é viver: “A ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) afirmou nesta quarta-feira (3) que o trem-bala ligando Campinas ao Rio de Janeiro ficará pronto para a Copa do Mundo de Futebol de 2014, que acontecerá no Brasil, pelo menos no trecho entre São Paulo e Rio de Janeiro. Ela reafirmou que o governo não pretende gastar recursos em estádios e que o foco dos investimentos públicos será em mobilidade urbana nas cidades escolhidas para sediar o evento, escolhidas no domingo passado (31/05).”

Matéria de junho de 2009, disponível aqui.

* * *
O MPF (Ministério Público Federal) no Rio de Janeiro denunciou na última quinta-feira (8) o proprietário do Hotel Santa Tereza, empreendimento de luxo situado na região central da capital fluminense, e o sócio-administrador da empresa Alcap Empreiteira Ltda por submeterem seis trabalhadores à condição análoga à de escravo, crime que teria ocorrido entre novembro de 2012 e fevereiro de 2013.

* * *
Sobre o caso recente do sequestro na Avenida Brasil, no Rio, leia aqui a belíssima matéria do jornalismo que precisamos: o humano. O sequestrador, a sequestrada, o sequestrado: são todos seres humanos. E tratá-los assim é essencial, em qualquer área, para que possamos ter cada vez mais pistas sobre como deixar o ciclo de violência.

Parabéns ao jornalista, cujo olhar fez a diferença.

* * *
Deu no JB (via Agência Brasil): Haddad anuncia piso de R$ 3 mil para professores e 3,5 mil vagas.

Sobre essa matéria, deixo aberto o microfone a uma amiga e professora:

“Esse papo de piso de três mil é uma baita lorota. Cai quem opta pelo romance, pela ignorância ou pela má fé.
O grande esquema do digníssimo prefeito do PT de São Paulo é conceder um bônus aos professores, uma grana “por fora” pra completar esse piso. Aí, se você quebra a perna, tem filho ou entra em depressão e sai em licença, perde o complemento salarial.
Pra deixar claro que o que o PT diz não se escreve, no ano passado, durante nossa greve, o Callegari, nosso Secretário de Educação, disse à Rede Globo que o salário dos professores aqui era de 4,5 mil. Esta é a dupla dinâmica do PT na educação de São Paulo…
Quanto às vagas abertas, concurso público a partir de um percentual de vagas aqui é lei, e é lei conquistada, pra variar, às custas de muita luta de trabalhador, nada tem que ver com bom senso desses representantes aloprados das construtoras e indústrias.”

* * *
O empresário Eike Batista teve os sigilos fiscal e bancário quebrados nesta sexta-feira (9) por determinação da Justiça Federal, a pedido do Ministério Público Federal.

A evolução patrimonial do ex-bilionário entre 20012 e 2013 será analisada, assim como todas as operações bancárias feitas entre março de 2013 e maio de 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *