Desertificação
www.consciencia.net/desertificacao..............................
.

Clique aqui para ler as últimas notícias sobre o tema.

AGRICULTURA # 30/10/2007
Lugar do milho não é no tanque de gasolina, diz jornal americano

A produção de etanol a partir do milho, como ocorre em larga escala nos Estados Unidos, não é uma solução para o aquecimento global nem uma maneira de reduzir a dependência do petróleo, afirma editorial publicado nesta terça-feira pelo diário americano 'The Christian Science Monitor'. A matéria é da BBC Brasil..[+]

desertificação
70% das cidades de menor IDH são áridas

Entre as mil cidades com menor IDH-M (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal, uma adaptação do IDH aos indicadores regionais brasileiros do Brasil), 715 são afetadas pelos efeitos da desertificação. Dos 1.482 municípios localizados em regiões classificadas como semi-áridas, subúmidas secas e arredores, 915 apresentam condições de vida piores que as da Namíbia (0,627) e apenas 51 estão em situação melhor que o Vietnã (0,704). Em só cinco deles o indicador fica igual ou acima do índice do Brasil (0,766). A matéria é de Alan Infante, da PrimaPagina, 28/4/2006.

ALERTA # MARÇO/2006
Secos e vulneráveis

Declarado pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Ano Internacional dos Desertos e da Desertificação, 2006 tem uma extensa agenda de eventos locais, nacionais e internacionais para atrair a atenção do mundo para o problema: lançamentos de publicações, um festival de cinema em Roma, conferências, cursos etc. A intenção da ONU é sensibilizar a comunidade internacional para o avanço dos desertos, a ameaça que a desertificação representa para a humanidade, as maneiras de conservar a biodiversidade e proteger os conhecimentos e as tradições dos povos que vivem em regiões áridas. Por Mariana Loiola, da RITS..[+]

desertos verdes
Banco Mundial “se livra” de responsabilidade sobre Aracruz

Pressionado por organizações da sociedade civil por ter concedido empréstimo de 50 milhões de dólares à Aracruz Celulose, Banco Mundial informa agora que empresa realizou o pagamento antecipado da dívida. Negociação foi questionada em razão dos impactos ambientais e dos conflitos com indígenas, quilombolas e pequenos agricultores causados pela companhia no país. Matéria de Fernanda Sucupira na Agência Carta Maior, em 16/3/2006.

reportagem especial
A Monocultura Midiática

Enquanto os hectares destinados à monocultura se expandem e, com apoio do Ministério da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário, criam um deserto verde improdutivo, camponeses e indígenas são empurrados para as cidades na esperança de uma melhor condição de vida. A história é antiga — e continua sendo exaustivamente ignorada pela imprensa de grande circulação. Leia nesta reportagem especial da Revista Consciência.Net, 14/3/2006..[+]

desertificação
Seca e temperatura de 40 graus matam africanos

Halima Muhammad está enfrentando a pior seca que atingiu o leste da África em décadas. Mas quando um grande lago de água fresca apareceu diante dela no outro dia, no meio da terra seca, esta mulher sedenta com oito filhos com sede fez algo notável: ela não saiu do lugar. A água (...) não é suficiente para a comunidade de 6 mil pessoas de Halima. Os anciões a dividem, exigindo que almas sofredoras como a dela aguardem na fila até seus nomes serem chamados antes que possam se aproximar do lago e retirar o suficiente para encher um cântaro de 20 litros. A matéria, do dia 19/2/2006, pode ser acessada pelo portal AmbienteBrasil.

ameaça global
Desertificação ameaça 2 bilhões de pessoas

A crescente transformação das áreas secas do planeta em desertos fez a ONU designar 2006 como Ano Internacional da Desertificação. De toda a superfície do planeta, 41% é formada por áreas secas, como o semi-árido do Nordeste brasileiro. Ano a ano, a ação do homem sobre o meio ambiente tem causado grandes perdas não só para a biodiversidade, mas para as 2 bilhões de pessoas que vivem nessas regiões. Para tentar reverter esse processo e debater mais amplamente o problema, a ONU designou 2006 como Ano Internacional dos Desertos e da Desertificação. De Nova York, no Prima Página em 13/2/2006.

desertificação
Ecossistemas úmidos sob proteção

No dia 2 de fevereiro de 1971, a cidade de Ramsar, no Irã, foi palco da assinatura da convenção para conservação e uso racional de zonas úmidas. Desde então, o acordo internacional conhecido como Convenção de Ramsar fez nove reuniões das partes envolvidas. A mais recente novidade é o ingresso de 13 regiões na lista oficial de áreas sob proteção da convenção internacional. Agora, são 1.578 ecossistemas espalhados por 150 nações (...) Em termos de área, são 133,8 milhões de hectares protegidos, ao menos no papel. Matéria sobre o tema na Agência Fapesp em 6/2/2006.

desertificación
2006: la subsistencia de 1.000 millones de personas está en riesgo

La degradación de las tierras áridas y semiáridas por actividades humanas y variaciones climáticas afecta a un tercio de las tierras del planeta y la vida diaria de 250 millones de personas en cien países. Además, podría afectar la vida de 1.000 millones de personas durante el siglo veintiuno. La Conferencia de las Naciones Unidas sobre el Medio Ambiente y el Desarrollo (CNUMAD), celebrada en 1992 en Rio de Janeiro, reitero la gravedad mundial del proceso de desertificación, al destacar que afecta a la sexta parte de la población mundial, cubriendo el 70% de las tierras secas, es decir, alrededor de 3 600 millones de hectáreas. En el directorio de noticias EcoPortal, 02/2006.

reportagem especial
2006, assunto grave não pode ser desmerecido

A desertificação, fenômeno de degradação de ecossistemas de clima semi-árido, árido e seco transformando-os em desertos, tem sido intensificada nos últimos anos pelas atividades humanas e pela mudança climática – que também não deixa de ter a mão humana. Segundo as Nações Unidas 250 milhões de pessoas são afetadas diretamente pela desertificação. Ser afetado diretamente pela desertificação significa perder as condições de subsistência geradas nas áreas atingidas, levando assim ao aumento da pobreza, das doenças e da migração. Reportagem especial de Clarissa Taguchi, janeiro de 2006..[+]

friends of earth
Earth's Land Surface Is Drying Up

Europe and many other parts of the world are increasingly being stricken by serious drought, according to new research. The overall percentage of land area affected has doubled in the last thirty years, with climate change singled out as the key factor. The new scientific evidence underlines the threat global warming poses to our planet, Friends of the Earth Europe said today in Brussels. The environmental group has urged Europe's leaders to face up to the challenge and agree drastic cuts in the emissions that are leading to global warming. Brussels, 12 January 2005.

projeto-piloto
Plano de combate à desertificação em Independência (CE)

Com a participação de representantes de organizações governamentais e não governamentais e universidades, começa a ser elaborado o Programa de Combate à Desertificação do Ceará. Matéria de Rosa Sá, do jornal O Povo (CE), em 4/11/2005.

the ecologist
Blood is Thicker...

Ros Coward reports from Murcia in southern Spain, the driest place in Europe, where tourism and intensive agriculture is draining its meagre water supplies and causing a growing environmental crisis. By Ros Coward, The Ecologist, 1/2/2003.

dia da conservação do solo
Futuro da humanidade em xeque

O Instituto Internacional de Pesquisa sobre Políticas Alimentares estima em cerca de 40% o índice de degradação de terras para a agricultura do mundo. E a ação humana está diretamente relacionada a esta degradação, seja pelo esgotamento de nutrientes em terras cujo uso foi abusado nos últimos anos, seja pela ação da erosão em solos abandonados ou mal cultivados pelo homem. (...) Fenômeno sequer estudado no País até o século passado, a desertificação avança nas regiões Sul e Sudeste: a degradação ameaça o futuro da humanidade. Leia nesta reportagem do jornal A Notícia (SC), em 15/4/2001.

especial premiado
Trabalho do JC tem destaque mundial

O caderno especial produzido pelo Jornal do Commercio por ocasião da 3ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação (COP-3), realizada em novembro de 1999, no Centro de Convenções de Pernambuco, ficou em quinto lugar no Prêmio Desertificação: Uma Ameaça Global. Sessenta reportagens de jornais e revistas de todo o mundo concorreram à premiação. Dos sete finalistas escolhidos por um júri internacional, o JC foi o único veículo brasileiro. Clique na imagem para detalhes.

recife 1999
Ex-colônias portuguesas compartilham drama da desertificação

Língua e história não são as únicas características em comum entre o Brasil e as ex-colônias portuguesas na África. A desertificação, processo de degradação da terra, atinge o interior do Brasil e também o de Cabo Verde, Guiné Bissau, Angola e Moçambique. Dos cinco países africanos dominados por Portugal no passado, apenas São Tomé e Príncipe não sofre com o problema. Reunidos na 3ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação, representantes desses países falaram sobre o problema com a repórter Verônica Falcão. Reportagem do Jornal do Commercio, de Recife (PE), em 21/11/1999.

Brasil sai na frente e pede adoção de metas

Brasil quer a adoção de metas mundiais específicas para o combate à desertificação nos países afetados pelo problema. A delegação brasileira está se articulando nos bastidores para aprovar, no final da 3ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação (COP-3), o Mandato do Recife - um documento endossado por países ricos e pobres sugerindo a aprovação dessas metas já na conferência do próximo ano, que será realizada na Ásia. A idéia é estabelecer ações nas áreas de energia, recursos hídricos, reflorestamento, recuperação de solos e biodiversidade que possam ser executadas até o ano 2010. Reportagem de Ciara Carvalho no Jornal do Commercio, de Recife (PE), em 18/11/1999.

Prejuízo supera US$ 300 milhões ao ano no Brasil

Não existem parâmetros para avaliar o volume real de perdas econômicas provocadas pela desertificação no Brasil. Mas, com base na metodologia aplicada pelas Nações Unidas para a África, o Ministério do Meio Ambiente estima que, só com perdas de produtividade, o prejuízo chegaria a US$ 300 milhões ao ano. Reportagem do Jornal do Commercio, de Recife (PE), em 14/11/1999.

para entender
O que é desertificação

Conforme a Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação, a desertificação foi definida como sendo a degradação da terra nas zonas áridas, semi-áridas e sub-úmidas secas resultantes de fatores diversos tais como as variações climáticas e as atividades humanas. Leia na página do MMA.

What is desertification?

Desertification does not refer to the expansion of existing deserts, but rather to the degradation of productive drylands (rangeland or cropland) into less productive desert. Drylands occur on every continent, and are estimated to cover around 40 percent of the earth's surface. In the past, drylands recovered after long droughts and dry periods through shifting agricultural practices, nomadic herding, and so forth. Today, however, pressure on drylands is heightened due to intensive agricultural practices and increasing populations..[+]
 
 

Consciência.Net
Ecologia
Panorama Ecológico
Mudanças climáticas


Programa de Ação Nacional de Combate à Desertificação e Mitigação dos Efeitos da Seca

Conslad 2004
Conferência Nacional e 
Seminário Latino-Americano sobre Desertificação - Fortaleza, 07 a 11 de março de 1994. Saiba aqui.

Especial JC
Recife, novembro de 1999. Clique na imagem.

.
Destruição do solo
Queimadas

Desertificação

Uso de agrotóxicos

Erosão

Ocupação de encostas

Fonte: A Notícia (SC), 15/4/2001.