Militante do MST é assassinado a tiros no Paraná

Na noite de domingo (4), por volta das 19h30 no assentamento Sétimo Garibaldi, município de Terra Rica, noroeste do Paraná, o militante do MST Valdair Roque, conhecido popularmente como “Sopa”, foi assassinado.

Sopa foi alvo de uma de emboscada na porta de sua casa, quando o agricultor assentado estava acompanhado de seu filho de sete anos.

Militante do MST desde 1998, Sopa começou sua militância em São Miguel do Iguaçu, região oeste do estado e em 2000 foi assentado. Sempre contribuiu na formação de militantes, era um grande animador da luta pela Reforma Agrária, destacando-se pela simplicidade e humildade com que atuava.

Por sua atuação destacada na luta pela reforma agrária na região, por várias vezes tornou-se alvo da ira dos latifundiários e de outras forças politicas locais.

O velório será realizado na sede do assentamento Sétimo Garibaldi, no município de Terra Rica.

“O MST não irá se calar, e exige a imediata nomeação de um delegado especial para que seja feito uma rigorosa apuração do caso, e que os mandantes e executores sejam presos”, diz o MST em nota.

Da redação. Comente abaixo ou pelo Facebook.com/RevistaConscienciaNet. Contato: [email protected]


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *