Opinião

Do golpe militar à tentativa de democracia

Tanques do Exército ocupam as ruas do Rio de Janeiro no golpe de 1964, iniciando o mais longo período de exceção do país. Foto: Arquivo Nacional

“Que estranho país é o Brasil, que lembra os 50 anos do golpe com repúdio e tristeza, mas tem governos que armam suas polícias militares até os dentes para reprimir lutas, reivindicações e protestos sociais da grande população nacional oprimida e desassistida.”