OBSERVATÓRIO
Aula Virtual e Democracia
boletim 15, ano 3 — março de 2006
Jornalista responsável: Cláudio Júlio Tognolli (CJT)
www.consciencia.net/aulavirtual
.
-------------------------------------------------------------
Ilan Gur-Ze'ev
• Ph.D. Senior Lecturer
Co-chairperson of the Israeli Philosophy of Education Society
Editor of Studies in Education (Iyyunim Bechinuch)
• Universidade de Haifa, Israel
• Dê sua opinião..—..Contato

From today’s perspective, the work of the Frankfurt School thinkers can be considered the last grand modern attempt to offer transcendence, meaning, and religiosity, rather than "emancipation" and "truth". In the very first stage of their work, up to the Second World War and the Holocaust Theodor W. Adorno and Max Horkheimer interlaced the goals of Critical Theory with the Marxian revolutionary project. The development of their thought led them to criticize orthodox Marxism and ended with a complete break with that tradition, as they developed a quest for a religiosity of a unique kind, connected with the Gnostic tradition and emanating, to a certain extent, from Judaism. This religiosity offers a reformulated    negative theology within the framework of what I call "Diasporic philosophy".

Fonte: Adorno and Horkheimer: Diasporic Philosophy, Negative Theology, and Counter-education

-------------------------------------------------------------
Andrew Lewis Feenberg
• Ph.D., Philosophy
• Simon Fraser University Canadian - School of Communication Research Chair Philosophy of Technology
• Dê sua opinião..—..Contato

Há uma tradição na filosofia da tecnologia que resolve este problema por meio do chamado conceito "de dominação impessoal" encontrado primeiramente no capitalismo de Marx.  Esta tradição, associada a Heidegger e à escola de Frankfurt, permanece demasiado abstrata para nos satisfazer atualmente, mas identifica uma característica extraordinária da ação técnica (Feenberg, 2004a).  Eu formulo esta característica em termos  de sistemas teóricos, distinguindo a situação de um ator finito da de um ator infinito hipotético capaz de "fazer do nada".  O último pode agir sobre seu objeto sem reciprocidade.  Deus cria o mundo sem sofrer nenhuma represália daquilo que cria, nem mesmo sofre efeitos colaterais.  Esta é a hierarquia prática final que estabelece uma relação de sentido único entre o ator e o objeto.  Mas nós não somos deuses.  Os seres humanos somente podem agir num sistema a que eles mesmos pertencem. Este é o significado prático da incorporação.

Fonte: Teoria Crítica da Tecnologia: um panorama

-------------------------------------------------------------
Marco Silva
• Dr. em Educação e Sociólogo
• Universidade do Estado do Rio de Janeiro e Estácio de Sá
• Dê sua opinião..—..Contato

Há uma crescente utilização do adjetivo “interativo” para qualificar qualquer coisa (computador e derivados, brinquedos eletrônicos, eletrodomésticos, sistema bancário on-line, shows, teatro, estratégias de propaganda e marketing, programas de rádio e tv, etc.), cujo funcionamento permite ao usuário-consumidor-espectador-receptor algum nível de participação, de troca de ações e de controle sobre acontecimentos. Podemos dizer então que há uma indústria da interatividade em franco progresso acenando para um futuro interativo.

Fonte: Interatividade

-------------------------------------------------------------
Renato Peixoto Dagnino
• Dr. em Economia (Unicamp).
• Professor titular do Instituto de Geociências, Unicamp
• Coordenador do Grupo de Análise de Políticas de Inovação da Unicamp
• Dê sua opinião..—..Contato

Uma conversa com um velho amigo - ex-militante do movimento estudantil de esquerda e hoje professor na escola da engenharia - que participou em um Congresso em Cuba, é a origem deste trabalho. Ele é uma tentativa de responder a uma pergunta: por que a comunidade de pesquisa cubana - extremamente capacitada, socialmente consciente, politicamente influente, e capaz de desenvolver expressivos programas de pesquisa e ensino - tenta arduamente explorar as oportunidades dos nichos de alta tecnologia do mercado externo quando a infraestrutura e o setor produtivo do país apresentam importantes demandas tecnológicas desatendidas. Explorando a abordagem crítica às percepções da Neutralidade e do Determinismo da C&T, nossa tentativa de entender a atípica experiência cubana abre um interessante campo de indagação para outros países latino-americanos.

Fonte: Conversa com um engenheiro que esteve em Cuba (ou uma reflexão sobre as dificuldades cognitivas para conceber a política universitária e de C&T a partir do contexto sócio-econômico)

-------------------------------------------------------------
Paulo Ghiraldelli Jr.
• Dr. em Filosofia
• Escritor e Diretor do Centro de Estudos em Filosofia Americana e Pragmatismo
• Dê sua opinião..—..Contato

A universidade brasileira está destroçada. Mas no início dos anos noventa, quando esse final de festa ainda estava nos primeiros drinques, e quando os da minha geração (intelectual e não apenas cronológica) gastavam algumas de suas últimas horas de paciência indo em congressos ditos científicos, escutei algo fantástico de um auto-proclamado scholar da filosofia da Escola de Frankfurt. Ele disse na mesa do bar, ao lado da piscina (onde mais poderia ser?): "ler Adorno é lindo, não é?". Eu respondi: "não, é triste, é terrível ler Adorno mais que uma vez em seis meses, pois a gente entra em depressão". Fiquei estupefato quando percebi que o homem não havia entendido o que eu disse. Para ele, ler Adorno era uma ... uma diversão!

Fonte: O que restou dos "frankfurtianos" que estiveram em Frankfurt e dos que não estiveram?

-------------------------------------------------------------
Cláudio Júlio Tognolli
• Dr. em Ciências da Comunicação e Jornalista
• Universidade de São PauloUniFIAM-FAAM..—..Faculdade de Ciências da Comunicação
• Diretor da ABRAJI e membro do ICIJ, Brasil
• Dê sua opinião..—..Contato

“Mea culpa” da Inglaterra pelo assassinato do brasileiro Jean Charles é o mesmo empregado para reparar os danos do colonialismo na África.

Fonte: Para inglês ver

A publicação de uma charge em que Maomé carrega uma bomba no turbante gerou protestos de grupos islâmicos, prontamente rebatidos pela imprensa européia. Afinal, em que ponto começa o “mau uso” da liberdade de expressão?

Fonte: Surfando os limites

Bono assumiu o legado de Sting ao entrar de cabeça nessa peleja filosófica que é ajudar o Terceiro Mundo num discurso popularesco, enfiado no bom mocismo.

Fonte: Caçadores de Nobel

-------------------------------------------------------------
Raquel Moraes
• Doutora em Educação
• Universidade de Brasília, Faculdade de Educação
• Dê sua opinião..—..Contato

Para Gramsci, é a superestrutura que mantém as relações de classe, sendo que essa dominação se efetiva pelos mecanismos de hegemonia do Estado e da sociedade civil. Para superar essa hegemonia, seria necessário desenvolver uma contra-hegemonia, a qual pode ser conseguida se a classe trabalhadora, incluindo os intelectuais socialistas, promoverem a criação e o desenvolvimento  de uma  nova cultura em oposição à hegemonia burguesa.  Ou seja: a ênfase da transformação econômica e social recai na superestrutura, tanto no campo dos valores e  normas como na  visão de homem e de mundo.

Fonte: Gramsci e a questão da cultura

-------------------------------------------------------------
Gustavo Barreto
• Estudante de Comunicação Social e Editor da Revista Consciência.net
• Universidade do Rio de Janeiro e Consciência.net
• Dê sua opinião..—..Contato

Quase 4 milhões de pessoas já morreram na guerra da República Democrática do Congo, afirmou um artigo publicado recentemente no jornal de medicina 'Lancet'. Se a informação for confirmada, trata-se do maior número de mortes em um conflito desde a Segunda Guerra Mundial, informou Roland Pease na BBC Brasil. O levantamento foi feito pelo Comitê de Resgate Internacional, com base em uma amostragem de 20 mil casas visitadas por uma equipe da organização em 2004.

Fonte: 38 mil mortos. Todo mês

O embaixador dos Estados Unidos na Organização das Nações Unidas (ONU), John Bolton, qualificou como "inaceitável" o projeto de criação de um novo Conselho de Direitos Humanos. Segundo informou a rede de tevê Telesul nesta terça (28/2), a proposta foi apresentada na semana passada pelo presidente da Assembléia Geral da ONU, Jan Eliasson, e destaca a necessidade de estabelecer um conselho integrado por representantes de 47 nações, que poderão sofrer sanções no caso de violação de direitos humanos.

Fonte: Estados Unidos consideram inaceitável criação de novo Conselho de Direitos Humanos da ONU

Vou direto ao ponto: me incomodam determinadas críticas a Bono Vox. Não vou defendê-lo, porque o projeto de direitos humanos para todos não será feito por um homem, nem mesmo por um conjunto de homens isolados. Mas há de se atentar para o que está por trás de algumas destas críticas.

Fonte: Gostinho em silenciar a esperança
 
 

Aula Virtual e Democracia
boletim 15, ano 3 — março de 2006
Jornalista responsável: Cláudio Júlio Tognolli (cjt)
Edição: Raquel Moraes e Gustavo Barreto
 
 
Observatório de Inclusão Educacional e Tecnologias Digitais - Unesco / UnB
Leia o boletim atual

interatividade
• Fórum do observatório Unesco
• Ateliê
.
arte digital
• Mulher sendo desenhada de dentro pra fora
Extraído do sítio Kitnet
 
• Bella Gallery
Disturbing beauty is only in the mind
 
• hiPer>
relações eletro//digitais
 
• Galeria de Arte Digital
Mais do que acrescentar formas ao mundo a tarefa é criar um novo mundo de formas, um Universo Neomórfico
 
• O cinetismo interativo nas artes plásticas
Um trajeto para arte tecnológica. Paula Perissinotto, USP, 2000
 
• Celso Martins
Pintando e bordando no tecido digital
 
• video arte digital
O vídeo digitalizado como suporte para a criação plástica: mídia arte
 
• A R T E C N O
Laboratory of New Technologies in Visual Arts, University of Caxias do Sul, RS, Brasil
 
• midiatatica.org
A revolução das novas mídias na prática
 
• The Zoomquilt
A collaborative art project
.
outras linguagens
• As portas que se abrem
Não deixe de assistir o vídeo "As Portas Que Se Abrem".
 
• A pílula vermelha
What is the Meatrix?
 
• Jenin Jenin
Filme expõe crimes de guerra israelenses / Film exposes Israeli war crimes.
 
• As mulheres do mundo
Extraído do www.unfpa.org
 
• Meninos e meninas, corram.
 
• Search for the Secret Cave in the Grand Canyon
Third Expedition; by Steve Wingate
 
• With the eyes of the other
Exposição fotográfica de Clarissa Borges
 
• István Mészáros na TV Carta Maior
A Educação para Além do Capital
 
• Olga, o filme
• Not My Tipe
• Uma odisséia no espaço
• Smoke Kills
• Inter-face
• Fahrenheit 9/11
• Ilha das Flores
• Be a virtual reporter right now
• How many online?
• Outras mídias
.
cadastro
Para receber este boletim, preencha os seus dados

Nome:
Email:
Cidade/UF:
.